Destaque em retorno, Shilton valoriza triunfo do Minas sobre o Rio Claro: ‘Importante tomar o gosto pela vitória’

Shilton foi figura fundamental na vitória dessa terça-feira (Foto: Marfim Photo Sports/Rio Claro)
Shilton foi figura fundamental na vitória dessa terça-feira (Foto: Marfim Photo Sports/Rio Claro)

O experiente pivô Shilton, de 37 anos, reestreou oficialmente pelo Minas de forma brilhante. Vindo do banco, ele anotou 25 pontos e pegou sete rebotes na vitória por 90 a 89 sobre o Rio Claro, nessa terça-feira, no interior paulista, pelo NBB. O jogador, que defendeu o clube da Rua da Bahia entre 2014 e 2016, perdeu os outros dois jogos nesta temporada por conta de uma lesão muscular na panturrilha direita, ainda na pré-temporada.

O camisa 6 minas-tenista valorizou o resultado em Rio Claro e disse que o time precisava de uma vitória o quanto antes. O Minas vinha de derrotas para Flamengo e Botafogo, ambos em Belo Horizonte.

“É muito importante tomar o gosto pela vitória, uma equipe campeã é construída assim, passo a passo, momento a momento, e a vitória contra Rio Claro foi muito importante para nós”, disse, ao jornalista Miguel Salek, após a vitória sobre Rio Claro.

Shilton também valorizou o trabalho coletivo da equipe, comandada pelo técnico Leo Costa. Apesar dos impressionantes 25 pontos em 29 minutos, o pivô reconheceu o trabalho dos companheiros. Na partida, o Minas utilizou apenas oito atletas.

“Fico feliz para caramba, porque eu vinha de lesão. Foi uma coisa que aconteceu pela primeira vez na minha vida, uma lesão muscular, e justo no início do campeonato. Tenho certeza que foram 25 pontos que o grupo trabalhou e sobrou a bola para mim. Foi uma vitória coletiva, a gente se entregou, dedicou, e fico muito contente com isso. Nem sabia que tinha feito tudo isso, fico contente, mas pode ter certeza que todas as bolas que fiz, as faltas que sofri, foi a construção de mais alguém para a bola sobrar para mim. Isso mostra, claramente, que o coletivo está sobressaindo, e a gente tende a melhorar muito quando jogamos assim”, finalizou o pivô.

Agora, o Minas embarca para Pato Branco, interior do Paraná. Nesta quinta-feira, às 19h30, os minas-tenistas enfrentam o Pato, pelo NBB. Os mineiros estão na nona posição no torneio, enquanto os paranaenses em 16º, na última colocação.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *