Minas aguarda por ala-pivô do Mogi depois de ‘tour’ sul-americano do time paulista

Fabrício foi punido severamente por um caso de doping em 2018 e retornou às quadras somente neste ano (Foto: Divulgação/Fiba)
Fabricio foi punido severamente por um caso de doping em 2018 e retornou às quadras somente neste ano (Foto: Divulgação/Fiba)

O Minas aguarda pelo fim da participação do Mogi na segunda semana do Grupo A da Champions League Américas para conversar com o camisa 10 da equipe do interior paulista, Fabricio Russo. O jogador interessa ao clube mineiro e pode defender a equipe comandada pelo técnico Leo Costa. A informação foi antecipada pela Rádio Jovem Pan News Bauru e confirmada pelo Basquete Todo Dia.

CLIQUE AQUI PARA ASSINAR O DAZN E ASSISTIR AOS JOGOS DO NBB, DA EUROLIGA E DA CHAMPIONS LEAGUE AMÉRICAS

A primeira partida do “tour” do Mogi aconteceu nessa segunda-feira. O Mogi venceu o Biguá, no Uruguai, por 92 a 90, pela segunda semana da chave do torneio nacional. Na quarta-feira, os mogianos enfrentam o San Lorenzo, na Argentina, também pela Champions League.

Depois desse jogo, a tendência é que Fabricio chegue a Belo Horizonte para negociar detalhes de uma possível transferência. O experiente ala-pivô, de 34 anos, disputou oito jogos na temporada, com médias de 25 minutos, 8,6 pontos, 4,8 rebotes e 0,8 assistências por partida.

O ala-pivô ficou suspenso por doping de outubro de 2018 a outubro deste ano, o que explica o baixo número de jogos. Nesta temporada, ele foi desfalque no Campeonato Paulista e no início do NBB. Fabricio testou positivo para três substâncias proibidas pelo Código Mundial Antidopagem da Agência Mundial Antidoping (Wada), em exame realizado no dia 2 de junho de 2018, dia do quarto jogo da final do NBB, entre Mogi e Paulistano.

Prednisolona, prednisona e salbutamol foram as substâncias usadas na ocasião. A defesa alegou que Fabricio tem crises de asma e fez uso de medicação para tratar do problema respiratório.

Caso seja confirmado no Minas, Fabricio disputará posição com o titular Tyrone Curnell e com o reserva imediato Felipe Queirós. As equipes têm até o fim do primeiro turno (29 de dezembro deste ano) para inscrever jogadores no NBB 2019/2020.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *