E o Brasileiro da CBB? Reunião em julho pode definir início ou cancelamento do campeonato

Praia Clube é o único representante mineiro na competição (Foto: Divulgação/CBB)
Praia Clube é o único representante mineiro na competição (Foto: Divulgação/CBB)

O Campeonato Brasileiro da Confederação Brasileira de Basquetebol (CBB) deste ano, usado a princípio como divisão de acesso para o NBB da temporada 2020/2021, nem chegou a ter início e pode ser cancelado devido à pandemia do novo coronavírus. Está agendada para o dia 13 de julho uma reunião com os clubes envolvidos para debater os cenários possíveis. O Basquete Todo Dia apurou com membros das equipes que o encontro virtual pode definir a forma de disputa do torneio ou até o cancelamento dessa edição.

CLIQUE AQUI PARA ASSINAR O DAZN

O Brasileirão da CBB, que conta com 14 equipes, estava com início marcado para 15 de março, mas foi suspenso devido à pandemia. A data estimada pela entidade para o fim do campeonato era 11 de julho, com a decisão do Final Four.

Com a aproximação dos campeonatos estaduais da temporada 2020/2021, que começam entre agosto e setembro, a tendência é que uma nova fórmula de disputa seja debatida, além das questões sanitárias e de saúde, já que o Brasil ainda sofre com a pandemia. De acordo com dados do Ministério da Saúde divulgados nessa terça-feira, 38.406 cidadãos morreram e outros 739.503 foram infectados pela COVID-19 no país.

A temporada 2019/2020 do NBB foi dada por encerrada pelos clubes da elite do basquete brasileiro na antepenúltima semana da fase classificatória, sem um campeão ser declarado. A decisão foi tomada em 4 de maio. Já a edição de 2020 da LBF também tem futuro incerto. O principal torneio feminino do país foi suspenso após o fechamento da primeira semana, em 13 de março.

Fórmula de disputa inicial do Brasileiro da CBB

Na primeira fase, as equipes se enfrentam dentro de suas conferências, em turno e returno. Os dois melhores de cada avançam direto para as quartas de final. As demais equipes (terceiro, quarto, quinto e sexto) realizam duelo único de mata-mata, na casa do clube de melhor campanha, cruzando as conferências, definindo mais quatro classificados.

As quartas de final serão disputadas em melhor de três jogos, sendo que os primeiros colocados enfrentam o vencedor do duelo entre o 4º x 5º. Os segundos colocados pegam o adversário que vencer o jogo entre 3º x 6º. Por fim, o campeão brasileiro será definido em Final Four entre os quatro semifinalistas.

O campeão do Brasileirão, divisão de acesso, tem o direito de pleitear uma vaga no NBB na temporada seguinte. Caso o Pinheiros B conquiste a taça, o segundo colocado tem o direito de pleitear um lugar no torneio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *