Rafa Moreira retorna ao Minas após sete anos e comemora: ‘Muito feliz com a minha volta’

Rafa Moreira defendeu o Brasília nas duas últimas temporadas (Foto: Ricardo Bufolin/Pinheiros)
Rafa Moreira defendeu o Brasília nas duas últimas temporadas (Foto: Ricardo Bufolin/Pinheiros)

O Minas anunciou, nessa quarta-feira (19), a contratação do ala-pivô Rafa Moreira, que defendeu o Brasília na temporada 2019/2020. O jogador, de 28 anos de idade, assinou com o clube da Rua da Bahia por um ano. Ele já vestiu a camisa minas-tenista e comemorou o retorno.

CLIQUE AQUI PARA ASSINAR O DAZN

“Estou muito feliz com a minha volta ao Minas. Quando eu estive aqui, há sete anos, foi um momento em que eu era muito novo e, depois disso, passei por várias equipes. Chego ao Minas, hoje, mais maduro e quero deixar tudo dentro de quadra para levar o Minas ao título e ajudar a minha equipe da melhor maneira possível. Todas as minhas características de raça, de deixar tudo dentro de quadra e de não desistir nunca pode ser esperado pelo torcedor. Tenho muita dedicação, vontade de vencer e determinação, isso que é o Rafa Moreira”, disse Rafa Moreira, ao site oficial do Minas.

O ala-pivô defendeu o Minas na temporada 2013/2014, tendo atuado em 25 jogos no NBB e somado médias de 2,5 pontos e um rebote por partida. O clube minas-tenista terminou aquele NBB como antepenúltimo, na 15ª posição.

Rafa Moreira defendeu o Minas na temporada 2013/2014 (Foto: Orlando Bento/Minas)
Rafa Moreira defendeu o Minas na temporada 2013/2014 (Foto: Orlando Bento/Minas)

Uma temporada antes, na primeira como profissional, Rafa Moreira atuou pelo Suzano. Depois de duas temporadas, ele voltou a atuar em nível NBB e vestiu as camisas de Macaé (onde foi comandado pelo técnico Leo Costa, hoje no Minas), Mogi e Brasília, desde 2018.

Na última temporada, Rafa Moreira disputou 26 jogos no NBB pelo Brasília, com médias de 11,7 pontos, 3,6 rebotes e 1 assistência por partida. Além do ala-pivô, o Minas já confirmou outros nomes para a temporada 2020/2021.

São eles: os armadores Luciano Parodi e Davi Rossetto (de contrato renovado), os ala-armadores Leandrinho (vínculo também renovado), David Jackson e Gui Carvalho (jovem da base que segue na equipe), os ala-pivôs David Nesbitt, Rafa Moreira e Felipe Queirós (renovado) e o pivô JP Batista.

O Minas terminou a temporada 2019/2020 como semifinalista da Copa Super 8 e em quarto do NBB, que foi encerrado sem campeão e precocemente devido à pandemia do novo coronavírus. Apesar disso, o Minas se garantiu na próxima Liga Sul-Americana devido à colocação na liga nacional. Outros torneios que o Minas pode disputar na temporada 2020/2021 são Campeonato Mineiro, se for confirmada a edição de 2020, e Super 8, caso a equipe termine o primeiro turno do NBB entre os oito melhores.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *