Minas bate o Pinheiros e consegue 11ª vitória seguida no NBB

Shaquille Johnson anotou 15 pontos para o Minas (Foto: Ricardo Bufolin/Pinheiros)
Shaquille Johnson anotou 15 pontos para o Minas (Foto: Ricardo Bufolin/Pinheiros)

Dominante do início ao fim da partida e segurando a vantagem no último quarto, o Minas bateu o Pinheiros na tarde desta segunda-feira (21) por 84 a 76, pela sétima semana da fase classificatória do NBB, no Ginásio Henrique Villaboim, na cidade de São Paulo. Esta foi a 11ª vitória seguida da equipe minas-tenista no campeonato.

CLIQUE AQUI PARA ASSINAR O DAZN

Com a derrota, a oitava do Pinheiros em 11 jogos no NBB, o time caiu da 12ª para a 13ª posição, sendo ultrapassado pelo Campo Mourão. Já o Minas permanece na segunda colocação da tabela, com 11 vitórias, todas seguidas, e uma derrota no campeonato.

O Pinheiros volta às quadras na quarta-feira (23), às 14h30, diante da Unifacisa, no Henrique Villaboim, pela sexta semana do NBB. Nos mesmos dia, local e motivo, o Minas também atua novamente, mas a partir das 17h30, contra o Franca.

O jogo

O Minas começou bem a partida e se manteve no controle do marcador, mesmo com intensidade pelo lado da jovem equipe do Pinheiros. Com seis pontos do ala-armador Shaquille Johnson, os minas-tenistas venceram o primeiro período por 23 a 19.

O Pinheiros voltou bem para a partida e diminuiu a vantagem para um ponto com oito minutos restantes, forçando o técnico minas-tenista Leo Costa a pedir tempo técnico. Depois disso, o Minas retomou o controle de jogo, com o ala David Jackson e o ala-pivô David Nesbitt somando 16 pontos no período, e foi ao intervalo vencendo por 47 a 33.

A volta para o terceiro quarto refletiu a administração da vantagem por parte do Minas. A equipe seguiu imponente no ataque e na defesa e foi ao último período vencendo por 67 a 50. No último período, o Pinheiros reagiu enquanto os minas-tenistas rodavam a equipe e chegou a diminuir a vantagem para seis pontos, com 14 somente do armador Gabriel Campos. Contudo, os minas-tenistas seguraram a pressão e venceram por 84 a 76.

PINHEIROS 76 X 84 MINAS

PINHEIROS

Gabriel Campos, Humberto, Gustavo Basílio, Danilo Sena e Guilherme Teichmann; Wesley Sena, Valtinho, Mauro Zubiaurre e Rafael Munford
Técnico: David Pelosini

Desfalque: Jonas Buffat

MINAS

Davi Rossetto, Shaquille Johnson, David Jackson, David Nesbitt e JP Batista; Gui Santos, , Ronald Rudson, Felipe Queirós e Tiago Dias
Técnico: Leo Costa

Desfalques: Rafa Moreira (em transição de lesão) e Luciano Parodi (lesão no músculo adutor)

Destaques do jogo

Pinheiros

Gabriel Campos: 22 pontos, 1 rebote e 4 assistências

Humberto: 15 pontos, 6 rebotes e 2 assistências

Gustavo Basílio: 10 pontos, 2 rebotes e 4 assistências

Minas

Davi Rossetto: 16 pontos, 6 rebotes e 4 assistências

Shaquille Johnson: 15 pontos, 6 rebotes e 3 assistências

David Nesbitt: 14 pontos, 8 rebotes e 1 assistência

Motivo: sétima semana da fase classificatória do NBB

Local: Ginásio Henrique Villaboim, em São Paulo (SP)

Data e horário: segunda-feira, 21 de novembro de 2020, às 14h30 (de Brasília)

Transmissão: YouTube do Minas Tênis Clube

Árbitro: Fernando Serpa Oliveira (Internacional-RS)

Primeiro fiscal: Fábio Kover (Internacional-SP)

Segundo fiscal: Augusto Manoá da Rosa (Nacional-PR)

Outros jogos do NBB nesta segunda-feira:

17h30 – Franca (6º) x (7º) Fortaleza Basquete Cearense

20h30 – São Paulo (3º) x (8º) Unifacisa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *